Chat with us!
Como criar uma estratégia de conteúdo para a Black Friday 2020 com vídeos

Em 2020, criar uma estratégia de conteúdo para a Black Friday em um contexto de pandemia pode ser desafio enorme.

Principalmente quando pensamos na transformação digital forçada que o novo Coronavírus potencializou, tornando o universo online ainda mais competitivo.

Diante desse cenário, conseguir se destacar em meio a tantas ofertas e players é o grande objetivo.

Então, se você está enfrentando dificuldades para criar uma comunicação relevante e engajadora para o seu público (ou para o público do seu cliente) e quer uma ajudinha sobre como sair do óbvio nesta Black Friday, você veio ao lugar certo!

Aqui, nós vamos te mostrar os principais insights que os dados do consumo de vídeo online sobre a data nos mostram e quais são as oportunidades que você pode aproveitar na sua estratégia.

Então, já pode abrir a planilha de planejamento e vir com a gente. 

Boa leitura!


1. Comunique com propósito

Antes de mais nada, a primeira pergunta que você deve se fazer é: “o que só a minha marca pode fazer?” A resposta para essa questão é única e intransferível.

Ou seja, só você - com a ajuda da sua equipe - pode responder. Conseguir criar uma comunicação que transmita os valores mais importantes da sua marca é uma forma genuína de ganhar relevância e conquistar a atenção das pessoas. Durante a Black Friday, muitas marcas acabam caindo no óbvio: promoções e consumismo desenfreado.

Então, como se desviar desse cenário?  De um ponto já sabemos: a COVID-19 levou a sociedade a repensar o excesso. A Black Friday, por sua vez, pode ser uma ocasião para as empresas repensarem esse estímulo ao consumo excessivo e reforçarem seu propósito, apoiando causas que estejam alinhadas com a verdade da marca.

Vamos a um exemplo empírico.

A Patagônia e a sua famosa campanha “Don’t buy this jacket” são um ótimo exemplo de como comunicar com propósito é importante para os consumidores.


Na Black Friday de 2011, a marca abraçou seu propósito de sustentabilidade e fez uma campanha falando para os consumidores simplesmente não comprarem seu produto.

 O resultado? Depois disso, as vendas da marca de roupas aumentaram em 30% e até hoje a campanha é vista como um case de sucesso.

Então, o primeiro passo para criar uma estratégia de conteúdo verdadeiramente relevante para a Black Friday é criar uma comunicação que transmita verdade e que converse com as pessoas.

2. Saiba o que está sendo consumido sobre a data

Toda estratégia de conteúdo requer uma pesquisa bem feita.

E a Black Friday, além de ser um evento muito relevante para o mercado, também impulsiona a criação de conteúdo tanto por parte das marcas quanto dos consumidores.

Apesar dos “publiposts” ainda terem grande destaque atrelado à figura dos influenciadores, hoje é necessário muito mais do que só divulgação. 

Dessa forma, é preciso também apostar em formatos mais conectados com o entretenimento.

Então, quando pensamos em vídeo, quais são esses formatos?

Os dados analisados no tópico “Black Friday” no Winnin Insights nos mostram algumas opções! Se a sua estratégia tem como principal objetivo o número de views, apostar na criação de vídeos de unboxing e que exploram a potencialidade viral dos memes pode ser a estratégia certa para você.

Os vídeos de unboxing possuem uma taxa de views de 35%, enquanto os memes abrangem 22% das visualizações totais.

Agora, se a sua estratégia é focada em engajamento, os dados apontam que os - novamente - memes e os vídeos de desafios são os mais engajantes. 

Enquanto os vídeos de desafios alcançam um engajamento médio de 3,5K, os memes chegam a quase 4,5K.

3. Crie uma estratégia de conteúdo que vá além da sexta-feira

É chegado o momento de começar a preparar a sua estratégia de conteúdo. Mas como?

Analisando os vídeos sobre a Black Friday produzidos nas principais plataformas, chegamos a um entendimento.

Uma estratégia de sucesso precisa ir além da Black Friday!

Os vídeos mais relevantes fazem parte de um ecossistema de conteúdo focado em entretenimento que extrapola o “Dia D” em si e se mantém ativo ao longo do tempo.

Então, que ecossistema é esse?

Nossos dados apontam que uma estratégia de conteúdo de sucesso para a Black Friday envolve:

  • Pré Black Friday
  • Durante a Black Friday
  • Pós Black Friday

Vamos, então, saber quais são os formatos de vídeo mais relevantes para cada um desses momentos!

• Pré Black Friday

Como dissemos, a Black Friday começa muito antes da data em si.

Esse é o momento de brincar com a expectativa das pessoas e gerar ansiedade para quando o grande dia chegar.

E quais são os formatos mais relevantes para esse momento?

Olhando para os nossos dados, são: Memes + Divulgação!

Os memes são um formato com uma ótima vantagem, que é seu potencial de viralização orgânico.

Os memes com melhor performance são aqueles que brincam com as promoções ou mostram as pessoas treinando para o grande dia.

O outro formato mais relevante para a Pré Black Friday são os de divulgação.

Usar e abusar da vantagem dos publiposts com influenciadores divulgando as marcas em promoção também é uma estratégia altamente engajadora.

(video/gif)

• Durante a Black Friday

Ao longo desse período, os melhores formatos para compor a sua estratégia de conteúdo são: Lives + Desafios + Comparação.

Esse é o momento em que as pessoas comparam a tradição e o preço das suas cidades, mas também expõem as chamadas “Black Fraudes”, as falsas promoções criadas por algumas lojas.

Agora, se o seu objetivo é gerar entretenimento, as lives e os desafios são os formatos ideais, pois mostram como os criadores de conteúdo se divertem e se conectam com a data.

• Após a Black Friday

Mesmo depois da Black Friday, as pessoas ainda produzem conteúdo sobre ela.

E, claro, você deve fazer o mesmo! 

Os Memes, mais uma vez, ganham destaque fazendo graça das compras e do dinheiro gasto.

Mas também é o momento de apostar em novos formatos, como Unboxing e Haul

Ambos aparecem como formatos relevantes nos quais as pessoas fazem reviews de seus produtos recém adquiridos.

Notas Finais

Te mostramos aqui alguns passos data-driven para criar uma estratégia de conteúdo de sucesso para a próxima Black Friday.

As marcas que conseguem transmitir genuinamente seu propósito através de campanhas e ações têm grandes chances de se destacar em meio ao cenário hipercompetitivo.

Antes de partir para a criação da sua estratégia de conteúdo propriamente dita, não se esqueça de se munir de informações e insumos sobre o que as pessoas querem consumir. Compreender o seu público a agir nas suas dores é fundamental. 

Por fim, produza conteúdo que não se limita à sexta-feira e invista no que dá resultado: vídeos! Mas saiba quais são os formatos que mais fazem sentido com cada etapa do ecossistema.

Memes e Divulgação são ideais para o período pré Black Friday, enquanto, durante o evento, os formatos mais relevantes que podem ser combinados são as Lives, os Desafios e os vídeos de Comparação. 

Por fim, faça com que as pessoas continuem falando sobre a sua marca após a Black Friday acabar. Memes (olha eles aí de novo), Unboxing e Haul são formatos ideais para criar a relevância que você tanto deseja!

Quer mais insights data-driven sobre criatividade? Assine nossa newsletter.